Ortopedia e Traumatologia da Criança e do Adolescente

AS ORIENTAÇÕES AQUI APRESENTADAS DESTINAM-SE AOS PACIENTES E SEUS FAMILIARES. FOI ESCRITA EM LINGUAGEM LEIGA,
EVITANDO-SE TERMOS TÉCNICOS. EMBORA NOSSA INTENÇÃO SEJA CONTRIBUIR COM INFORMAÇÕES GERAIS, ELAS NÃO SUBSTITUEM
AS ORIENTAÇÕES DADAS PELO SEU MÉDICO, QUE CONHECE OS DETALHES DO SEU PROBLEMA E PODERÁ, DE FATO, REALIZAR
ORIENTAÇÃO EFETIVA E PARTICULARIZADA.

Uso do andador

Muitos pais tem dúvidas se o uso do andador é benéfico ou prejudicial para a criança. Esta dúvida ainda não está definitivamente esclarecida entre os profissionais, que se posicionam pró e contra o andador. Pessoalmente não acredito ser o andador prejudicial no sentido de deformar as pernas, deslocar o quadril ou deformar a coluna. Se o andador for usado, é importante retirar obstáculos onde a criança se movimenta para evitar traumatismos na cabeça ou quedas provocadas por degraus.