Ortopedia e Traumatologia da Criança e do Adolescente

AS ORIENTAÇÕES AQUI APRESENTADAS DESTINAM-SE AOS PACIENTES E SEUS FAMILIARES. FOI ESCRITA EM LINGUAGEM LEIGA,
EVITANDO-SE TERMOS TÉCNICOS. EMBORA NOSSA INTENÇÃO SEJA CONTRIBUIR COM INFORMAÇÕES GERAIS, ELAS NÃO SUBSTITUEM
AS ORIENTAÇÕES DADAS PELO SEU MÉDICO, QUE CONHECE OS DETALHES DO SEU PROBLEMA E PODERÁ, DE FATO, REALIZAR
ORIENTAÇÃO EFETIVA E PARTICULARIZADA.

O sapato da criança

Lembrem-se, pais. A criança não é um adulto em tamanho pequeno. Não queira fazer sua filha ou filho crescer antes da hora. O sapato ideal para a criança, antes de mais nada, deve ser confortável. Não pode apertar, tem de ser de tamanho adequado, macio e flexível. A parte anterior deve ser larga e alta para acomodar bem os dedos. Pode ser fechado (tênis) ou em formato de sandálias que precisam ser bem presas nos pés.
Naturalmente o tipo de sapato depende da idade e à medida que a criança cresce, mais ele se aproxima do modelo de sapato adulto.
Entretanto, devem ser evitados os tamancos, botas e os saltos altos.